Cartório em São Paulo

Sem categoria

Qual a história da CPTM?

Uma das maiores empresas no ramo ferroviário, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) surgiu no ano de 1992, a partir da lei de nº 7.861, datada de 28 de maio de 1992, a fim de modernizar a malha ferroviária presente no estado de São Paulo que, na época, se minimizava à capital paulista. 

A CPTM foi a segunda companhia a assumir a região metropolitana, no local da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) e da Ferrovia Paulista S/A, que saíam de linha para que os serviços fossem melhorados. Desde a inauguração, a CPTM realiza mudanças constantes na malha ferroviária do estado, incluindo no ano de 2002 a primeira Estação Referência. 

Nesse novo modelo de estação, a CPTM passou a priorizar um alto padrão de qualidade nos serviços fornecidos, passando a construir, inclusive, um número maior de linhas, contando atualmente com 07 linhas que são interligadas ao metrô, de forma a trazer maior agilidade a vida do paulistano. 

Conquistas na história da CPTM

Uma das mais novas conquistas da empresa foi realizada no ano de 2005, com a implantação do Bilhete Único, sistema que, através de convênio estadual e municipal, interliga a linha de transporte sob trilhos e o de mobilidade urbana por toda a região paulista. Outra novidade presente é que existem diversos pontos nas linhas em que são apresentados os diferentes valores cobrados nas linhas, incluindo os pacotes que podem ser realizados de forma mensal ou com uso do Cartão Bom, por exemplo. 

Além disso, a CPTM conta com canais de ouvidoria, para que os clientes possam indicar e também avaliar o trabalho que vem sendo realizado pela empresa, além de apresentar também a cartilha de direitos e deveres que os usuários das linhas possuem. Todas as informações se encontram disponíveis no portal eletrônico da empresa, ligada diretamente à gestão estadual de São Paulo.